Lema de Vida:

Aprender até morrer, morrer sem nada saber!!

quarta-feira, outubro 05, 2005

Caro Primeiro-Ministro, Sr. Eng. Sócrates...

Fui informada pelo Miguel Pinto, que por sua vez informou a Isabel, que V. Exa no seu programa de Governo para a Educação, menciona o seguinte:

[…] O Governo definirá um programa nacional de formação de professores, com explicitação de perfis de desempenho e com consequentes medidas de incentivo à qualidade da formação inicial e contínua. A avaliação do desempenho dos professores, neste contexto, deve ser acompanhada por iniciativas que aumentem a motivação e a auto-estima dos professores em função dos resultados obtidos e das boas práticas reconhecidas pelos seus pares. […] (p. 43)

Tendo isto em consideração, quero expressar-lhe os meus mais sinceros agradecimentos por todas as iniciativas já promovidas, nomeadamente, a tentativa de desunir ainda mais esta classe com as malfadadas 35 horas, as regras estranhas de concurso que se avistam, os DCE esquisitamente deferidos e verdadeiros DCE sem possibilidade de recurso, o apetrechamento com condições mínimas de trabalho nas escolas e em particular nos laboratórios, as ajudas de custo a todos os viajantes deste país,... uma infinidade de iniciativas que, de facto, elevaram a auto-estima dos professores e que mostraram ao País o verdadeiro lugar destes profissionais.
O meu muito Obrigada!

6 comentários:

IC disse...

E a Isabel só não se apressou também a enviar ao Sr. Primeiro Ministro os seus "sinceros" agradecimentos pelas intenções de que, se não fosse o Miguel Pinto, era uma INGRATA desconhecedora, porque as medidas que tem mostrado despromover, perdão, promover, relativas à disciplina que lecciona, já a estimularam tanto que tem medo de, no entusiasmo, se exceder em palavras pouco próprias.
lol (temos que ir sendo capazes de manter o sorriso, mesmo que irónico)

AnaCristina disse...

Só a ironia nos vai lavando a alma, Isabel...
Um abraço

Miguel disse...

Repare-se que no programa de Governo do PS é referido que o aumento da motivação e da auto-estima dos professores será em função dos resultados obtidos. Será isto a velha teoria de que passando os alunos de qualquer maneira os professores já serão bons??? Esperemos que não...
O que interessa é que as condições nas escolas sejam favoráveis a que tais boas práticas lectivas sejam possíveis... As recentes medidas aplicadas, sem adequar muitas escolas à sua correcta concretização não revelam aumento de auto-estima, nem reforço do processo de ensino-aprendizagem..

Anónimo disse...

O ensino tem de melhorar!

Gotinha disse...

Só mesmo a ironia nos salva!!
;-)

Avozinha disse...

Ah ah
Também agradeço!
Aproveito para agradecer já amanhã...