Lema de Vida:

Aprender até morrer, morrer sem nada saber!!

segunda-feira, outubro 15, 2007

Sou um guardador de rebanhos

Sou um guardador de rebanhos.
O rebanho é os meus pensamentos
E os meus pensamentos são todos sensações.
Penso com os olhos e com os ouvidos
E com as mãos e os pés
E com o nariz e a boca.

Pensar numa flor é vê-la e cheirá-la
E comer um fruto é saber-lhe o sentido.

Por isso quando num dia de calor
Me sinto triste de gozá-lo tanto,
E me deito ao comprido na erva,
E fecho os olhos quentes,
Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,
Sei da verdade e sou feliz.


A minha alma, hoje, está muito "Alberto Caeiro"...
Enquanto as decisões não foram tomadas, estive triste e sem orientações...
Hoje cheirei a flor, senti o aroma à terra alentejana molhada, fechei os olhos e estou feliz.
Obrigada T. !

8 comentários:

Moriae disse...

Excelente tema de abertura ... Palma pasma sempre.

IC disse...

Coincidência... Também deixei Alberto Caeiro no meu cantinho (mas foi um recurso de quem anda pouco virada para escrita)
Beijinhos

caditonuno disse...

quem dera a muitos que alguns putos fossem como cordeirinhos. sao é autênticos lobos!!!

Hindy disse...

Ainda bem que estás feliz...

Beijinho hindyado

Girafa cor de rosa disse...

É excelente quando conseguimos com um olhar, uma flor, um sorriso, um poema, um bom livro, um aroma, um beijo, um abraço, uma música...voltar a sentirmo-nos bem e a sermos felizes. Todos temos momentos baixos, mas uns conseguem rapidamente dar a volta à situação com "pequenas grandes coisas", é bom isso! Continua feliz.

Stôra disse...

Faz por manter essa felicidade ;)
*Beijinhos*

Hindy disse...

Tenho um apelo urgentíssimo no meu cantinho. Por favor passa por lá.

Beijinho hindyado

Professora disse...

Desculpa vir aqui ao teu blog poucas vezes, mas tenho tido muito trabalho. Mas sei que és o máximo sempre. Um abraço