Lema de Vida:

Aprender até morrer, morrer sem nada saber!!

terça-feira, outubro 24, 2006

A porcaria dos Professores!

As vezes, os Pais têm toda a razão quando dizem mal dos Professores...

De facto, não adianta nada defender os professores enquanto classe. Não é importante nem vale a pena!
Não vale o sacríficio de uns para bem de outros...
Há gente que se diz professor mas dá erros, é mal-formado, é intolerante e pouco solidário, entre outras magnificas qualidades.

Esforço-me por fazer o meu trabalho o melhor possível e só Deus sabe os sacríficios físicos que faço para ter tudo pronto, e no entanto professores que vivem ao lado da escola ou não fazem ou fazem pouco e mal...

Não entendo algumas atitudes egoístas de muito boa gente mas talvez a nossa classe estivesse numa posição melhor se o trabalho fosse levado a sério por todos.

Critica-se a rectidão e a intolerância que alguns Pais mostram para com os professores, incompetentes ou não, mas são estes Encarregados de Educação que, muitas vezes, manifestam em voz alta o que na sala de professores se diz em voz baixa!

2 comentários:

Miguel Pinto disse...

Não podemos confundir classe profissional com profissionais sem classe. A classe dos docentes deve ser valorizada por todos, começando, obviamente, pelos seus profissionais. E a defesa da profissão docente passa, também, por exigir de nós próprios e dos colegas um posicionamento ético inquestionável.

Ramos disse...

Quase que poderia dizer que sou um dos que faz parte da mobília desta sala, onde varias pessoas aqui se encontram, uns para ver as bocas outros para mandar bocas, e ainda outros para em silencio ver ou melhor analisar um mundo desta classe de pessoas que se intitulam professores e que dentro da mesma há os que se ofendem se não são conhecidos por doutores.
Minha amiga Ana, sou uma pessoa frontal e tenho consciência que por vezes sou inconveniente. Digo as coisas que muitos não gostam e lhe bate na cabeça como bombas.
Gostava de ver o resultado, dessa massa, (digo massa para não usar outro adjectivo qualificativo) de sindicalistas, que buscam o estrelato ou uns segundos de imagem perante as câmaras de televisão, depois de fazerem um exame de avaliação didáctica.
Muitos deles, já se passaram anos que não se colocam a frente de um grupo de alunos, para dar uma aula. Conhecem os artigos e os decretos, mas desconhecem ou procuram desconhecer as causas dos problemas que alguns deles os mais antigos ajudaram a crescer neste pantanal que é a educação actual em Portugal.
Sim é preciso defender a classe; mas para tal é importantíssimo limpa-la. Destituir os incompetentes, e que são muitos infelizmente, para poder valorizar os verdadeiros profissionais.
A vossa classe não pode nem deve ser pão de varias farinhas, pois este ainda que seja rico em fibras só serve para uma boa digestão,e assim proporcionar uma descarga fácil.
A vossa classe deve ser de uma única farinha muito bem peneirada para ser de boa qualidade e poder dar origem a um pão, isto em sentido figurado
Não se deve defender quem por si mesmo não se respeita ou não se dá a respeitar.
A vida de professor deve ser uma vida de exemplo e o maior sacrifício é demonstrar que a sua vida privada é exemplo de respeito e responsabilidade. Se assim não o é não só se prejudica a si, como a classe onde está infelizmente, inserido.

como sempres Ramos